2013/01/08

Bola de Ouro 2012

Foto O Jogo
A FIFA decidiu atribuir a 4ª Bola de Ouro consecutiva a Messi. A FIFA ou quem votou. O que é facto é que Messi está a construir um estatuto mitico, ao nível dos melhores de sempre.

Falta, quanto a mim, que Messi faça duas coisas ainda: que vença um campeonato pela Argentina (obrigatório) e que continue a ser um grande jogador noutro clube, noutro campeonato (preferencialmente) para que possa ser equiparado a Pelé e Maradona.

Até lá, ele será o melhor da sua geração, acompanhado de perto por Ronaldo. Mas terá de provar algo mais. Até porque este ano, a sua vitória, parece derivar mais do seu estatuto adquirido do que das vitórias conquistadas (nenhumas, com expecção do título de melhor marcador do ano). Ao contrário, Ronaldo também marcou "horrores" e ainda conseguiu vencer a Liga Espanhola e levar Portugal às costas às meias finais do Europeu. Talvez não fosse injusto também se Ronaldo ganhasse o troféu - mas julgo que a sua personalidade mais marcantes jogou contra ele em comparação com a humildade envergonhada de Messi, este ano: Ronaldo ama-se ou odeia-se.

Já nos treinadores, apesar de achar que Mourinho é o melhor, acho justa a vitória de Del Bosque, campeão mundial e europeu, depois de ter ganho (quase) tudo no seu Real Madrid. Mourinho ganhou a Liga Espanhola e quebrou, momentaneamente, a hegemonia do Barcelona. Mas Del Bosque tem vindo a fazer um trabalho fantástico na selecção e é justo ver reconhecido isso mesmo este ano.
Enviar um comentário