2011/02/21

Revolução dos Jasmins - Parte III

E aí vão três.

Tunisia, Ben Ali, deposto.
Egipto, Mubarak, demitido.

E agora, segundo o DE, na Líbia, Kadhafi, fugido para a Venezuela.



A Revolução dos Jasmins continua a sua saga, ameaçando agora o Bahrein, onde o circo da Formula 1 está quase a chegar, se lá chegar com o que lá se tem passado.

Esta nova ordem mundial continua a inquietar-me. Não sei até que ponto é que as facções radicais árabes não vão conseguir aproveitar estes momentos para se fortalecer e tomarem posições nestes países tão próximos da Europa. Os primeiros sinais de perigo chegam do Egipto, com a autorização para os barcos de guerra do Irão estacionarem no Suez. O próximo passo será deixar que eles entrem no Mediterrâneo...
Enviar um comentário