2011/02/02

Revolução dos Jasmins



Não sei o que irá dar esta chamada "Revolução dos Jasmins" que se está a dar e proliferar nos países islâmicos do norte de África nas últimas semanas.

Começou na Tunísia e aparentemente irá resultar num governo democrático e de pendor moderado. Agora estendeu-se ao Egipto (à maneira antiga, o Acordo que se dane!) e aqui ainda não é possível concluir o que irá acontecer, sendo que para já Mubarak diz que não se recandidata às presidenciais mas que fica até Setembro no poder. E entretanto já se fala de movimentações semelhantes em muitos outros países como a Jordânia, Síria, Mali, Yemen...

Muito sinceramente, tenho algum receio destas mudanças. Porque em muitos destes países há grupos muito fortes de radicais islâmicos, próximos do Irão e de grupos terroristas e a mim não me agrada nada ter países radicais islâmicos à porta da Europa.

Estou muito apreensivo quanto ao futuro próximo de alguns países muçalmanos e espero que este singelo jasmim não se venha a transformar numa espinhosa rosa...
Enviar um comentário