2009/05/12

A morte anunciada da Formula 1?


Imagem Público

Começo a ficar preocupado com o futuro da disciplina máxima do desporto automóvel. Já não bastando o facto desta época estar o mundo virado do avesso, com o actual campeão a fazer classificações miseráveis e com a Ferrari a ter conseguido pontuar apenas 2 vezes uns míseros pontitos, graças sobretudo às alterações das regras que beneficiaram as pequenas equipas e prejudicaram, e de que maneira, os "tubarões", agora com a questão da limitação orçamental arriscam-se a fazer que a Ferrari abandone o circo - onde nunca falhou a partida desde que há este desporto, em 1950!

A F1 sem a Ferrari não existe. Acaba. Se a Ferrari não participar, deixa de haver a mais histórica e mítica das equipas, com mais seguidores em todo o mundo e deixa de haver F1 como a entendemos até hoje.

Espero que o idiota do presidente da FIA que há montes de anos tudo tem feito para desprestigiar este desporto, não consiga levar a dele avante. Ou isso, ou a F1 termina para mim...
Enviar um comentário