2009/07/31

Sir Bobby Robson



Morreu hoje Bobby Robson, um dos grandes jogadores ingleses e um dos melhores treinadores do mundo nos anos 80 e 90. E que atingiu um ponto muito alto ao serviço do FC Porto, após ganhar o bi-campeonato (que levaria o clube até ao penta, feito único na história do futebol em Portugal) abrindo-lhe caminho para ir até Barcelona treinar esse colosso europeu.

Em Portugal ficou conhecido pelo súbito despedimento do Sporting de Sousa Cintra e pelo resgate posterior por parte do FC Porto. E foi com sentimento que uma larga franja de jogadores, treinadores e dirigentes a ele se referiram hoje.

Um gentleman em campo, um verdadeiro "Sir" fora. Até na hora da partida, pois em vez de se esconder em casa nestes longos tempos em que combateu (mais) um cancro, preferiu instituir uma fundação - a Sir Bobby Robson Cancer Foundation - onde ajudou a financiar a investigação e luta contra essa doença através do seu prestigio e fama. Robson, que aos 75 anos havia vencido já 4 cancros (um deles ainda ao serviço do FC Porto) viu ser-lhe diagnosticado 2 cancros inoperáveis nos pulmões, tendo sobrevivido até a data através de explosivos "cocktails" de medicamentos. Hoje, finalmente, o adversário marcou um golo sentenciou a partida...

Pelas alegrias que proporcionou ao futebol português e aos portistas, como eu, em particular, fica a sentida homenagem ao homem que hoje chegou à eterna lembrança.
Enviar um comentário