2011/03/18

Abril, jogos mil...

Depois de ontem assegurar num jogo que ganhou na primeira jogada (livre aos 50 segundos marcado por Hulk para a baliza, num misto de cruzamento-remate) e após o jogo deste fim de semana, o mês de Abril tem já garantidos 7 jogos (de 3 de Abril a 1 de Maio) e poderá ter mais outro, a 28 de Abril, nas meias finais da Liga Europa se ultrapassar a 2ª leva de moscovitas...



É evidente que num plantel extenso, com uma equipa técnica numerosa e com dirigentes habituados a ganhar constantemente, é muito dificil saber de quem são os maiores méritos da boa época até ao momento.

Mas de uma coisa eu sei.

Se o mês de Abril se saldar num sucesso (como acredito que venha a ser) então sei que claramente muito do sucesso será de um homem, que não gostando de se individualizar, pela competência que tem mostrado, é credor disso: André Villas Boas.

Claramente ele é a grande diferença para a época passada. É o "plus" que faltava à equipa, à organização.

É metódico, planeado e no banco mostra bom serviço - ainda ontem, por exemplo, ganhou o jogo em vez de empatar porque soube lançar os suplentes certos nas alturas certas, refrescando a equipa e dando peso nos sectores e faixas necessárias para segurar os russos. E muitos jogos este ano foram ganhos assim, com mexidas estratégicas.

Estou confiante para o mês de Abril. Que venha a Académica e a paragem por causa da Selecção, porque o mês mais importante da época está a chegar...
Enviar um comentário