2011/03/15

A Capital é nossa!


E o inevitável aconteceu.

Sentindo-se excluidos pela equipa da CEC2012, vários agentes vimaranenses formaram uma CEC paralela, que visa fazer uma programação onde estejam, de facto, envolvidos.

E com grande adesão, como se infere pelo crescimento exponencial do site do Facebook.

Fica a notícia do I:
"Um grupo de artistas e associações culturais que se sente "excluído" da Capital Europeia da Cultura pela Fundação Cidade de Guimarães criou o movimento "A Capital é Nossa" para, paralelamente, dinamizar o evento em 2012.

"Queremos promover ações construtivas de dinamização da Capital Europeia da Cultura em Guimarães de forma a podermos ter sustentabilidade para aparecer em público sem sermos mais um movimento contra a gestão do evento", afirmou o porta-voz do "A Capital é Nossa", Alberto Araújo.

Numa primeira ação visível, o movimento pintou no fim-de-semana grafitis em vários pontos de Guimarães incluindo o tag "A Capital é Nossa", uma imagem de "Santa Cristina" criada por um artista anónimo, e um "boneco" de Cristina Azevedo, a presidente da Fundação Cidade de Guimarães, com a mão no bolso onde está o símbolo do euro."
Enviar um comentário